fbpx
Warner é processada pelo lançamento de Matrix 4

Warner é processada pelo lançamento de Matrix 4

Matrix Ressurections foi lançado simultaneamente nos cinemas e no HBO Max, a plataforma de streaming da Warner Bros., mas essa estratégia está rendendo um processo movido pela produtora Village Roadshow Pictures.

A produtora acusa a Warner Bros. de prejudicar a bilheteria dos cinemas para promover sua plataforma de streaming. O longa arrecadou, até o momento, US$ 153 milhões, mas teve custo de produção de US$ 190 milhões.

A estratégia da WB não apenas garantiu que Matrix Resurrections seria um fracasso de bilheteria, como também prejudicou seriamente à franquia inteira. Não há dúvida de que os números abismais das vendas de bilheteria para o filme diminuem o valor desta franquia, pois a falta de rentabilidade geralmente impede estúdios de investirem em continuações e filmes derivados a curto prazo.

Segundo a Variety, que vazou as informações sobre o processo, a Warner teria negociado diretamente com a diretora Lana Wachowski e com Keanu Reeves e Carrie-Anne Moss para cobrir as possíveis perdas de bilheteria, mas não incluiu a Village Roadshow Pictures nas negociações.
Em nota oficial, a Warner Bros. diz que está tentando uma negociação entre entes privados com a produtora para evitar o processo.

Apoie o trabalho do CinemAqui para continuarmos produzindo notícias, textos e críticas de filme

Você talvez goste desses conteúdos:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Menu